Post Aleatório . 18-12-2008

Linux Mall

Há tempos que sou fã dessa loja. E não, não sou fã nem usuária de Linux – creio que tem suas aplicações, e o futuro do software em geral é mesmo open source… Mas o que mais curto é o pinguim mesmo hehehehe (aka Tux). Olha só como eles anunciam na loja virtual o pinguim magnético:...

+ Leia na íntegra

Não seja um ogro no trânsito

Categorias: Motociclismo

Tags: , , , , , , , , ,

Postado por Lux em: 02-03-2012

0

(originalmente publicado no facebook)

Quando vejo notícias sobre a morte de ciclistas ou pedestres no trânsito, e vejo respostas de grande indignação surgindo por todos os lados, misturadas a muito desejo de retaliação e de punição, lembro do seguinte:

– Sou motorista
– Sou motociclista
– Sou ciclista
– Sou pedestre

Se vc se encaixa somente em uma das categorias, tenho certeza que pode preencher as demais com seus amigos e familiares.

Mais efetivo que ficar indignado ao léu, é mudar a SUA PRÓPRIA atitude no trânsito, e respeitar não somente os mais vulneráveis (por exemplo um ciclista), mas também respeitar os semelhantes. Não é certo agir como um ogro no trânsito só porque você não está ameaçando pedestres ou ciclistas.

E olha, em muitos acidentes a parte mais fraca é a culpada (principalmente no caso de pedestres e motociclistas). Sim, dá raiva. Mas lembre-se, pode ser eu, pode ser seu amigo.

De moto já bati duas vezes. Em ambos os casos, fui fechada brutalmente por carros. Eu estava no meio da faixa, e eles na faixa da direita. Decidiram fazer conversão à esquerda, do nada. E fizeram. Eu poderia ter morrido.

Enfim, quando você for cortar um motorista de carro, fechar ou xingar um motociclista, empurrar um ciclista para fora da faixa, ou quase passar por cima de um pedestre…

Lembre-se que você está desrespeitando / ameaçando / possivelmente matando uma pessoa que pode ser um amigo seu.

Raiva de como os outros agem, dos motoboys, pedestres mal educados… Nada justifica. Se você faz besteira no trânsito sistematicamente, você é um assassino em busca de sua próxima vítima. Um #%$@#$@, &%$#&8 e um #@#&%@#%@(&.

Substitua pela palavra ofensiva de sua preferência.